Tour | Guilherme Otani

Tour

Até dia 28, a Casa das Caldeiras recebe grupos de visitantes que podem percorrer todos os seus belos espaços, entre eles o famoso túnel subterrâneo; além de conhecer toda sua história (desde o surgimento, passando pelo restauro até os dias atuais com a efervescente ocupação). Basta haver inscrição antecipada, respeitando-se o limite de 30 pessoas por grupo, através do contato@casadascaldeiras.com.br .

Desde o seu restauro (1998-1999), a Casa das Caldeiras abriu as portas para São Paulo e, após alguns anos, passou a ser reconhecida como palco de eventos culturais, sociais, privados e corporativos, valorizando os encontros, as relações sociais e a construção de novas histórias.

Desde então, se tornou um polo de cultura independente com importantes programas – Obras em Construção e Tododomingo ou Tododomingo Musical em SP, este último se consolidando como um dos mais democráticos da cidade – , possibilitando a produtores independentes, realizarem eventos e ocupar esse espaço de diferentes formas.

Entre os projetos que borbulham nesta antiga fábrica de caldeiras estão os de cunho social, que buscam produzir novas perspectivas de atuação e de protagonismo sócio-cultural para a cidade e o país.

E o espaço também foi aberto para receber famílias que participaram de oficinas e relataram suas experiências, engrossando o caldo do “Manual da Família – A difícil arte de educar no Séc. XXI”. O projeto surgiu com a pesquisa e elaboração de um e-book com apoio da Fundação Itaú Social, e cresceu com conquista do Edital CONDECA 2015. 

Comentários

Comentários

Deixe uma resposta